As jóias bizarras de Naomi Kizhner que transformam fluxo sanguíneo em eletricidade

joia1

A designer israelense Naomi Kizhner criou uma coleção de jóias dignas de filmes de terror ou seria de ficção? A estudante desenvolveu peças que devem ser inseridas nas veias. Sim nas veias. Uma vez feito isso, as jóias transformam a energia dos movimentos involuntários humanos em eletricidade.

As peças de ouro fazem parte de uma coleção chamada “Viciados em Energia”, e em suas extremidades elas possuem uma espécie de agulhas de seringas que são introduzidas nas veias de quem as usa. A corrente sanguínea faz com que a roda de outro dentro da joia gire, o que cria energia cinética capaz de acender um LED e em breve será capaz até de carregar celulares.

793399_1a4fe2ef4c034b66b0f36269a17997fe.jpg_srb_p_1152_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

O trabalho foi desenvolvido para o projeto de graduação de Naomi na faculdade Hadassah em Jerusalém. Ela disse que na verdade busca explicações para uma sociedade baseada na riqueza biológica, e também como o corpo humano pode se tornar um recurso de energia natural.

“Na nossa vida moderna energia é tudo”, ela disse. “Esta é a força que movimenta a economia global, muitas vezes ignorando as consequências.”, completa ela.

“Eu queria explorar a teoria pós-humanista que vê o corpo humano como um recurso”, acrescentou ela. – “Isso me levou a imaginar como seria o mundo uma vez que tenha experimentado um declínio acentuado em recursos energéticos e como vamos alimentar nossa dependência energética.”

“Existem muitos projetos de recursos de energias renováveis, mas o corpo humano é um recurso natural de energia que está constantemente sendo renovado, enquanto tivermos vida.”

3 peças fazem parte da coleção. A ponte sanguínea, que é inserida nas veias do antebraço e faz o fluxo sanguíneo gerar energia.

793399_a6b0b36622284a4ea8d1f150645b5187.jpg_srb_p_897_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

793399_c5c4daa1542e4cc8bdf70a93025de551.jpg_srb_p_1152_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

O pisca-pisca, que é inserido no nariz, capta energia gerada quando piscamos. Toda vez que piscamos o fluxo sanguíneo aumenta em volta dos olhos e a joia coleta essa energia.

793399_43db317c8b3b4695a88f4df6ad034a40.jpg_srb_p_826_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

793399_55f035b22fb341f58c6f0bdfeb0ba95f.jpg_srb_p_1152_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

E por fim, o condutor E-pulse que é usado nas costas, coletando energia dos nervos da medula espinhal.

793399_456a5806190e4ed5afb9b720f6f00199.jpg_srb_p_600_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

793399_354ceb446616404eaa9107e90e031741.jpg_srb_p_1152_769_75_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srb

Embora provavelmente as pessoas não irão usar essas joias num futuro próximo, Naomi acredita que tecnologicamente não estamos muito longe de tornarmos essas ideias realidades. Sua intenção é provocar um debate.

“Seremos capazes de sacrificar nossos corpos para produzir mais energia? Eu espero que o projeto faça as pessoas pensarem sobre a possibilidade deste ser o futuro e faça-os pensar se esse é mesmo o futuro que eles querem, ou se podemos fazer alguma coisa diferente hoje para evita-lo”, ela disse.

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: