Arquivo da tag: Google

Google inova mais uma vez e produz uma animação 360º

O Google Spotlight, estúdio cinematográfico criado e dedicado especialmente para Smartphones lançou a animação Pearl, que conta a história de pai e filha que viajam em busca de seus sonhos levando amor e alegria através da música em lugares improváveis.

A experiência de imersão é muito interessante, já que você pode “olhar” para todos os lados e ver o que tem em volta, captando momentos da viagem. Simplesmente fantástico. É como se fizéssemos parte da viagem, já que a “câmera” fica o tempo todo dentro do carro. Assim, você pode ver várias vezes e captar momentos diferentes. Já sabemos que é possível fazer vídeos 360º, mas animação (roteirizada) é a primeira!

Quem assinou a animação foi Patrick Osborne, animador do curta da Disney, Feast. Também participaram do desenvolvimento colaboradores dos estúdios Pixar e Dreamworks. Com tanta gente boa, o resultado não poderia ser ruim.

Se pensarmos no que está sendo feito hoje, com vídeos 360º e outras tecnologias como a realidade aumentada, as possibilidades são inimagináveis. Eu acredito que veremos filmes, séries, novelas e até transmissões ao vivo 360º. A cada dia a tecnologia nos surpreende numa velocidade cada vez mais alta. E o que muitas pessoas ainda não perceberam, é que já estamos no futuro…

Veja outra animação do estúdio Spotlight: HELP. Este foi o primeiro trabalho do estúdio e é focado em uma invasão alienígena. Porém não se trata de uma animação como Pearl.

 

Via Design Culture

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , ,

Explore a Mansão Wayne de Batman Vs Superman no Google Maps

351057

Quem nunca quis visitar a Mansão Wayne e explorar todos os segredos da Batcaverna?! Agora é possível ter uma visão da residência de Bruce Wayne de Ben Affleck… no Google Maps.

Isso mesmo! A “Residência de Bruce Wayne” de Batman Vs Superman – A Origem da Justiça está localizada em Gotham Orion Township, Michigan, no Google Maps. Os visitantes virtuais podem fazer um passeio em 360 graus pelo Street View, visitando o interior da elegante mansão à beira do lago cerca de 40 milhas ao norte de Detroit. Clicando duas vezes em um dos cantos, ainda é possível descer até a Batcaverna e explorar os dois andares do covil repleto de equipamentos do Homem-Morcego.

Confira neste link, depois conte para a gente o que achou da casa do Wayne de Affleck.

Batman Vs Superman – A Origem da Justiça está em cartaz nos cinemas.

 

Via Adoro Cinema

Etiquetado , , , ,

A assistente Cortana da Microsoft agora está disponível em IOS e Android

cortanaandroid-4.0.0

Depois de meses de testes e avaliações, a Microsoft está trazendo a assistente digital Cortana para o IOS e Android hoje.

É a mais recente parte do Windows 10 push da empresa, combinada com um foco maior sobre os serviços de plataforma cruzada e aplicativos. Microsoft originalmente lançou Cortana exclusivamente para Windows Phone no ano passado, mas o serviço já evoluiu para uma nova forma de conectar o PCs com Windows 10 e smartphones rodando Android ou iOS.

Essa conexão estréia hoje nos EUA e China, com novos aplicativos Cortana que permitem que os usuários Windows 10 compartilhem dados entre PCs, celulares com Android e iPhones. Enquanto a versão Windows do Cortana ainda vai ser mais poderoso do que os seus homólogos iOS e Android, a Microsoft vem trabalhando em formas de melhorar a integração em plataformas rivais. Microsoft firmou parceria com Cyanogen no início deste ano, e é agora ficou claro que Cortana é uma parte fundamental da parceria.

“Eles vão levar a experiência base de Android [de Cortana] e integrá-lo”, explica Marcus Ash, gerente de programa da Cortana – Microsoft, em entrevista ao The Verge. Ambos os aplicativos iOS e Android vai lidar com os conceitos básicos de capacidade de Cortana para rastrear voos, pacotes, interesses, tempo e lembretes, mas a versão Cyanogen apoiará “Hey Cortana” para ativar o assistente com apenas a sua voz. A integração Cyanogen também permite Cortana alternar os modos de rede, o poder de um dispositivo, ativar o modo silencioso, e outras funcionalidades do sistema.

Microsoft ativou muitas destas características sobre a versão Windows do Cortana, mas as restrições de desenvolvedor com Android e iOS significam que é mais difícil de integrar plenamente Cortana. Cyanogen parece ser uma resposta, mas isso não impede a Microsoft de tentar melhorar Cortana em iOS e Android. “Nós começamos com alguns dos cenários de comunicação, e pensar em como podemos fazer mais daqueles”, explica Ash. A Microsoft também está a investir fortemente na idéia de “continuação tarefa”, onde você pode compartilhar dados e retomar as atividades ou tarefas entre múltiplos dispositivos.

Parte da idéia “continuação tarefa” estréia hoje com a capacidade de responder a chamadas não atendidas com uma mensagem de texto no Windows 10 e dispositivos Android. É um pequeno exemplo de como Cortana pode ser executada em diferentes dispositivos e mantê-los todos em sincronia com inteligência. Isto não estará disponível no iOS ainda por causa das restrições de desenvolvedores da Apple, mas é fácil ver onde Cortana está indo no futuro. Microsoft tem notado um monte de feedbacks positivo em torno de notificações. “Você vai ver-nos fazer algum trabalho realmente interessante lá”, explica Ash, insinuando mais adições à tarefa de continuação. “Com um PC com Windows 10 no mix pensamos que podemos fazer algumas coisas muito poderosas.”

Resta saber quando Cortana vai dar as caras no Brasil.

 

Via The Verge

Etiquetado , , , , , , , , , ,

Guru, o seu guia digital

Feature graphic

Olá pessoal! Antes de qualquer coisa, eu gostaria de pedir desculpas pelo tempo que o Urucum está sem postar nada. Acontece que eu, blogueiro que vos fala, estava envolvido com um projeto muito bacana (e outras “cositas mas”) e gostaria de compartilhar com vocês.

Para quem não conhece o Guru é um guia digital, criado para atender (inicialmente) a área do Espírito Santo, divulgando tudo o que tem de bacana no entretenimento e turismo local. Um aplicativo que ainda tem muito a crescer mas já mostra que veio pra ficar.

Com ele você tem tudo o que precisa para encontrar algo para fazer e que tenha a sua cara na Grande Vitória, Espírito Santo.

guru-app-1

– Opções de configurações que tornam sua experiência muito melhor e personalizada.
– Um lista completa de atividades com locais, eventos, pontos turísticos e muito mais.
– Encontre e visualize no mapa as mais diversas atividades. Assim fica mais fácil saber o que tem perto de você.
– Umas busca inteligente que encontra qualquer atividade através de palavras que te interessam.

Eu particularmente gosto de me perder olhando o mapa das coisas que tem pra fazer.

guru-app-2

É possível marcar seus favoritos e nunca perder o que você gosta.

guru-app-5

Da ainda para navegar pelo GPS até o local que você quer conhecer.

guru-app-6

Inicialmente o app divulga coisas da cidade de Vitória, mas já começou a se expandir para Vila Velha e pretende em muito breve mapear todo o Espírito Santo. Olha aí uma boa pedida para os turistas.

Ele está disponível apenas para Android por enquanto e você pode baixa-lo clicando no botão abaixo.

download_btn_android_up

O que achou do app? Comente aí.

 

Website: guruapp.com.br

Etiquetado , , , , , , , , ,

Como funcionam as densidades no Android?

android

Se você é designer e já lida com web a algum tempo, deve se surpreender ao saber que projetar para mobile não é tão simples como parece. Cada plataforma tem suas peculiaridades.

A plataforma Android por exemplo, possui 4 densidades, isso significa que ao gerar uma imagem devemos lidar com proporções e não somente medidas. Essa é uma dúvida recorrente que costuma chegar a mim, e por isso, aqui vai uma explicação bem básica, só para entender como a coisa funciona a coisa.

qv16U

Quando criamos um website, as imagens que serão exibidas na página são geradas com medidas fixas, e em alguns casos maiores que o tamanho de exibição, para que essas possam ser redimensionadas por código. No mobile a coisa é diferente, serão gerados 4 arquivos para cada imagem do seu layout. Isso porque cada telefone Android tem uma resolução, uma densidade diferente, e dessa forma a qualidade do visual exibido em tela será melhor.

Atualmente existem 4 densidade Android, MDPI (média), HDPI (Alta), XHDPI (Super) e XXHDPI (Altíssima), antigamente existia a densidade LDPI (baixa), mas ela já meio que foi extinta e não se usa mais. O que acontece é que os devices mais antigos usam as imagens MDPI para preencher o local onde deveriam estar as imagens LDPI.

Dizer que uma imagem android é MDPI significa que ela tem 160 DPI, ou seja que ela possui 160 pontos por polegada.

DPI e PPI (pixel por polegada), não são a mesma coisa, um está relacionado a medidas reais e outro a virtuais, mas em termos práticos, quando você abrir seu Photoshop, considerar que um trabalho MDPI tem 160 pixel por polegada está correto e não vai interferir no resultado.

11-android-dp

“Então cada densidade tem um valor diferente no Android?”

Sim!

MDPI = 160 dpi

HDPI = 240 dpi

XHDPI = 320 dpi

XXHDPI = 480 dpi

 

“Isso quer dizer que toda vez que eu for gerar uma imagem eu vou ter que calcular matematicamente os tamanhos de cada resolução?”

Somente se você preferir assim. Como disse, trabalhar com densidades é trabalhar com proporção. Se considerarmos MDPI como 1 em nossa proporção, nossa tabela ficará assim:

1 = MDPI = 160 dpi

1.5 = HDPI = 240 dpi

2 = XHDPI = 320 dpi

3 = XXHDPI = 480 dpi

 

Ou seja, se você está gerando uma imagem em MDPI que tem 10 pixel de largura, em HDPI ela será 1.5 vezes o tamanho em MDPI.

10 x 1,5 = 15

Logo em HDPI sua imagem terá a largura de 15 pixel.

 

“Mas mesmo com proporção ainda é bastante trabalho calcular as medidas.”

Bom, se ainda assim você acha trabalhoso, existem calculadoras na internet que fazem o trabalho por você. Como essa por exemplo.

O próprio Photoshop ainda, muda as medidas de sua imagem corretamente, conforme você muda a resolução. Tendo bastante cuidado para não estourar suas imagens, você pode começar trabalhando com as resoluções (densidades) maiores e ir diminuindo. Sem a necessidade de fazer cálculos, mas não é mágica. Existem vários macetes para que os pixel transparentes não fiquem ruins ou as imagens estouradas. Trabalhar com vetores é uma boa ideia.

 

Etiquetado , , , , ,

10 novidades incríveis do Android 6.0 Marshmallow

Android Marshmallow está para vir, e detalhes importantes já foram revelados durante a Google I/O 2015. Se você não está por dentro do que eu estou falando, atualmente o sistema android encontra-se na versão Lollipop. A dona do Android já havia informado que preparava uma nova versão, na época, o sistema operacional era chamado apenas de Android M —, mas agora ele está chegando oficialmente.

Em um evento realizado na última terça-feira (29 de setembro), a empresa de Mountain View informou que o SO chega aos aparelhos Nexus já na próxima semana e traz várias novidades.

Em  tempos de crise resta avaliar se vale a pena investir em um novo aparelho.

1. Now on Tap

 

30104450327150

O Google Now tem se mostrado uma ferramenta muito útil e interessante, no entanto, carecendo de melhorias. Agora ele chega com ainda mais rapidez. Basta segurar o botão “Home” do seu aparelho e esperar alguns segundos para que uma série de informações sobre as tarefas que estão sendo executadas possam ser carregadas — tudo relacionado ao que você está lendo, assistindo ou ouvindo.

 

2. Compartilhamento mais veloz

O Android sempre foi um sistema operacional que facilita o compartilhamento de itens entre usuários. Agora, a Google aplicou um novo sistema que pode deixar isso ainda mais rápido. Trata-se do Direct Share, que agrega as pessoas e aplicativos mais frequentes em opções de compartilhamento muito mais simples.

 

3. Desbloqueio por toque

A partir de agora, o suporte para sensores biométricos passa a ser nativo. Com os Nexus 6P e 5X isso será aproveitado através do Nexus Imprint, mas outros aparelhos também poderão fazer o mesmo com seus sensores proprietários. Vale dizer que este recurso depende do hardware empregado pelas fabricantes.

app-permissions-allow-04

m-target-checkout.webm_snapshot_00.02_[2015.10.01_11.02.36]

 

4. Segurança mais forte com inicialização verificada

Quando seu dispositivo for inicializado, o recurso de inicialização verificada lhe avisa se o firmware e o sistema operacional do Android estiverem diferentes da versão de fábrica para que você saiba que está recebendo a experiência Android pura.

 

5. Novas permissões

Ao contrário do que acontecia antes, o Android Marshmallow tem muito mais clareza nas permissões que cada aplicativo exige para que possa ser utilizado. Em vez de todas as permissões serem solicitadas no momento da instalação, elas serão exibidas de maneira gradativa e de acordo com as necessidades de cada momento.

app-permissions-allow-01

app-permissions-allow-02

 

6. Backups automáticos

Um recurso para quem adora fazer formatações ou troca de aparelhos constantemente está nos backups automáticos. Habilitando a opção, torna-se possível fazer a sincronização de aplicativos e configurações com muito mais velocidade e segurança.

 

7. Recursos por voz

A partir de agora, as funções de reconhecimento de voz não ficam mais restritas aos aplicativos da própria Google. Utilizando novos kits de desenvolvimento, outros apps poderão se aproveitar dessas possibilidades para integrar comandos de voz com o SO.

 

8. Bateria inteligente

Um sistema de utilização inteligente da bateria pode ajudar — e muito — a gerenciar a carga dela. Isso permite que aplicativos em segundo plano não consumam processos e também que as tarefas mais pesadas sejam suspensas em períodos de ociosidade. Tudo para evitar que você fique sem bateria na hora em que mais precisar.

 

30104552213153

 

9. USB Type C

Com a mudança dos conectores para o padrão USB Type C, a Google adicionou o suporte nativo para a tecnologia. Agora, os aparelhos podem transferir dados de um modo muito mais rápido, sendo que os carregamentos também passam a ser mais velozes.

 

10. Armazenamento flexível

Com essa nova opção, os usuários podem usar o armazenamento externo como parte da memória interna. Dessa forma, aplicativos e jogos passam a ser instalados na expansão, obtendo as mesmas vantagens dos armazenamentos internos. O Armazenamento Flexível criptografa aplicativos e dados em seu cartão SD para que fiquem trancados em seu dispositivo. Este recurso depende do hardware empregado pelas fabricantes.

 

 

Fonte: Google
Infos: Tecmundo

Etiquetado , , , , , ,

Google lança código de compressão grátis capaz de acelerar sua internet

23172137145748

Em meados de 2013, a Google publicou um algoritmo de compressão chamado Zopfli, feito para permitir que as páginas da internet fossem carregadas mais rapidamente por todos os usuários. A novidade foi tão bem recebida que acabou sendo integrada a diversas soluções de compressão de dados, de otimizadores de arquivos PNG ao pré-processamento de conteúdo da web. Agora, a gigante das buscas liberou gratuitamente uma evolução da tecnologia.

Com o nome Brotli, a novidade é feita de um formato de dados totalmente novo, permitindo atingir taxas de compressão entre 20 e 26% maiores do que as possíveis com o Zopfli. Segundo a Google, caso a novidade seja adotada pelos principais navegadores do mercado, a melhor utilização de espaço e carregamentos de página mais rápidos trariam grandes vantagens para os usuários mobile, que gastariam menos de sua cota de dados móveis e menos bateria.

23171845949747

Explicando a mágica

Junto ao anúncio do algoritmo, Zoltan Szabadka, engenheiro de software da gigante das buscas, divulgou um estudo em que compara o Brotli tanto com o próprio Zopfli quanto com outras tecnologias de compressão famosas. Segundo ele, a novidade é tão rápida quanto o Deflate da zlib, mas ao mesmo tempo é capaz de uma compressão ligeiramente mais densa do que a do LZMA e do Bzip2 – de acordo com o Canterbury corpus.

Szabadka explica que esse nível de compactação é atingido graças a uma modelagem de contexto de segunda ordem, reutilizar códigos de entropia e usar uma janela de dados passados maior e códigos de distribuição conjuntos. Para conferir o estudo comparativo completo, clique neste link.

 

Via Tecmundo

Etiquetado , , , , , , , , ,

O Guru vem aí

Quem acompanha o blog deve ter notado uma “pequena” queda na frequência das postagens diárias e por isso peço desculpas, mas foi por uma boa causa! Eu juro.

O Urucum Digital além de falar sobre arte e tecnologia, também apoia e produz trabalhos que você pode conferir no Urucum Arte e no Urucum Design (alias, você já conhece nossas camisas?). E eu, blogueiro que vos fala, tenho estado envolvido com a produção de um novo aplicativo, o Guru.

1510653_1604847796398064_7174762340047207168_n

Guru é um guia de entretenimento e turismo que breve, breve, estará chegando na grande Vitória, Espírito Santo. “Mas porque grande Vitória?”, bom temos que começar por algum lugar não é verdade? E o local de onde sou me pareceu propício, mas calma, chegaremos até você eventualmente.

11807320_1641954302687413_8708891161865325114_o

O resultado está ficando incrível. O Guru é uma espécie de entidade que com muita personalidade irá te guiar por aí, entre as categorias Shows e Festas, Arte e Cultura, Cinema, Comida e Bebida, Casas Noturnas e por aí vai…

Quer ficar por dentro das novidades e do lançamento? Acompanhe nossa página no Facebook, isso nos ajuda pra caramba! Sem falar que você fica por dentro das novidades.

Etiquetado , , , , , ,

Google Now parou de funcionar e agora?

google-now

Você tem tentado conversar com o seu celular, mas ele tem ignorado o seu “Ok, Google”? Os cards e a busca do Google Now pararam de funcionar? Então aqui vai algumas dicas simples que podem ajudar você.

1. Limpar Cache

As vezes uma simples limpeza de cache pode resolver esses problemas. Para fazê-la, basta ir em Configurações, Aplicativos, App do Google e tocar em “LIMPAR CACHE”.

1

 

2. Desinstalar e reinstalar atualizações

No mesmo local onde é feita a limpeza de cache, Configurações, Aplicativos, App do Google, existe um botão que permite desinstalar as atualizações, normalmente ele fica desativado. Para ativá-lo, é necessário parar o aplicativo primeiro em “FORÇAR PARADA” para depois desinstalar as atualizações.

2

Feito isso, agora é ir na Google Play e reinstalar o app por lá, não instale direto pelo seu sistema. Você pode ir direto para a página de instalação aqui.

3

 

3. Reinstalar o aplicativo por outra fonte

É possível que em alguns casos você não consiga reinstalar o Google por vias normais. Talvez seu celular não permita que você o desinstale, ou então o site da Google Play reconheça que você já tem o aplicativo instalado.

Nesse caso, abra esse link pelo seu celular, toque no botão download e ao terminar, toque em cima do arquivo para reinstalar o App do Google, isso mesmo, sem nem desinstalar o antigo. Esse link é do site APKMirror, ele contém alguns espelhos dos aplicativos da Play Store, no formato apk para baixar. Ou então procure outra fonte segura de download do Google Now, que não seja a loja Google.

Se você já está lendo essa postagem pelo celular, clique no botão abaixo e faça o download direto.

4

 

4. Faça um Wipe Cache

Wipe é um termo muito comum entre os usuários, é uma palavra inglesa e seu significado é Limpar. Essa limpeza tem aplicações distintas, mas de um modo geral serve para eliminar arquivos de cache e zerar configurações.

Através do Wipe você poderá apagar dados de aplicativos, partições do sistema, configurações de perfis, mas também existe uma limpeza que apaga todas as informações presentes no Android, como se você tivesse acabado de tirar o dispositivo da caixa, nós NÃO VAMOS fazer esse tipo de limpeza, o wip cache não apaga nada em seu celular, no entanto qualquer tipo de Wipe carrega consigo o perigo de perder informações importantes, por isso é altamente recomendado que você sempre faça backups parciais ou total do Android. Eu fiz o Wip Cache em meu Moto G 2ª geração e nada foi apagado e normalmente é isso que acontece mesmo, nada se perde.

Para qualquer tipo de Wipe será necessário fazer o boot no dispositivo em Modo Recovery, isso muda dependendo do seu aparelho:

  • Reinicie seu dispositivo segurando as teclas Home + Volume para Cima + Botão Liga/Desliga;
  • Dispositivos Samsung e outros que não tiverem sucesso com o passo acima: segure o Botão de Liga/Desliga + os dois botões de volume juntos;

Agora que estamos no modo recovery, basta navegar até as opções de wipe desejada, mas há diferenças recovery de cada Android. Se você não tem ROMs Customizadas ou instalou um CWM, use o volume baixo para navegar e o volume alto para selecionar uma opção.

No TWRP há botões, e um deles é o Wipe que dá acesso fácil à todos os tipos de limpezas que listaremos a seguir:

  • Wipe Cache Partition – Essa limpeza é aplicada na memória de cache, sendo essa responsável por dar acesso rápido para alguns recursos ou aplicativo no Android (acessados com mais frequência), seus dados e configurações permanecerão intactos. É essa que faremos
  • Wipe Data/Factory Reset – Esse é o “botão vermelho” no Android, pois ao escolher essa opção o dispositivo voltará ao estado original de fábrica.
  • Wipe Dalvik Cache – Dalvik tem praticamente o mesmo conceito de uma máquina virtual Java, mas ao contrário do Java, ele não possui compilador JIT instalado por padrão, por isso o Dalvik armazena caches para melhorar o tempo de resposta dos arquivos APK (aplicativos e jogos), mas de tempos em tempos é necessário limpar esse cache para estabilizar um ou mais aplicativos para fins de e atualização e compatibilidade. Esse processo é semelhante aos arquivos prefetch do Windows.

Ao fazer o Wip Cache o processo pode demorar um pouco, o meu demorou bastante, então não se desespere ok? Seu aparelho não travou ou estragou.

Ficou confuso? Não se desespere, aí vão 2 vídeos para explicar o Wipe Cache Partition, um em um aparelho Motorola e outro no Samsung.

No Motorola

 

No Samsung

 

Informações Escola Android e Comunidade Motorola Moto G

Etiquetado , , , , ,

Novidades da Google no I/O 2015

A Google revelou nesta quinta-feira (28) as suas novas novidades para o Android M. As novidades foram contadas no Google I/O 2015, conferência para desenvolvedores que é organizada anualmente pela Google em São Francisco, Califórnia.

google_io_2015

Vamos conferir as novidades.

Android, YouTube, Google Maps, Gmail e Chrome: 1 bilhão de usuários cada 

O vice-presidente de produtos do Google, Sundai Pichar, apresentou alguns números: 600 milhões de pessoas compraram o seu primeiro smartphone no último ano. O resultado é que, agora, os famosos aplicativos  Android, YouTube, Google Maps, Gmail e Chrome tem mais de um bilhão de usuários cada.

Sobre o Android, o Pichar revelou que há mais de quatro mil produtos diferentes equipados com o sistema. O Google pretende levar ainda o software para além dos smartphones, destacando as versões Wear (relógios), Auto (carros) e TV, lançados no último ano e adotado por diversas fabricantes.

captura_de_tela_2015-05-28_as_13.47.26

Android já tem versões Wear, Auto e TV, além da versão original para smartphones.

Android M

Sem muita enrolação, foi anunciada a nova versão do sistema, o já esperado Android M, que chegará primeiro em Preview para desenvolvedores, como no último ano. O sistema vem com a mesma interface Material Design, mas focará em melhorias de desempenho em seis áreas diferentes.

1) App Permissions

A nova permissão de aplicativos vai garantir maior domínio do usuário e funcionará de forma semelhante à do Windows 10. Será possível editar as configurações aplicativo por aplicativo ou através da função desejada. Ao acessar o microfone, por exemplo, será possível conferir tudo o que tem acesso aquela área do seu telefone e negar ou aceitar o acesso de um aplicativo, de forma mais simples.

googlei-5

WhatsApp, agora, vai permissão para acessar certas áreas do seu smart no Android

 

2) Web Experience

A segunda área é a experiência de navegação na web. As abas customizadas do Chrome, por exemplo, prometem fazer com que o browser do Google se integre com aplicativos móveis, oferecendo uma experiência padronizada e sem aquelas trocas de janelas bruscas e incômodas.

3) App Links

A terceira área de melhora é o link entre apps, que promete facilitar a troca entre aplicativos sem passar pela tela inicial do sistema. Isso no entanto, é mais interessante para os desenvolvedores no momento.

googlei-7

Android Pay ainda está restrito aos Estados Unidos, mas promete revolucionar pagamentos

4) Android Pay

Outra aguardada novidade é o Android Pay, plataforma de pagamentos do Google, rival do Apple Pay. O recurso servirá para fazer pagamentos com o NFC do seu smartphone, simulando um cartão de crédito ou débito. No entanto, tudo estará restrito ao Estados Unidos, por enquanto. Sem previsão para o Brasil.

5) Finger Print

O Android também suportará nativamente sensores de impressões digitais. Com isso, os usuários poderão desbloquear o telefone sem ter que digitar senhas, fazer compras na Play Store e pagamentos a partir do Android Pay. O recurso é muito similar ao do iOS, da Apple, presentes nos iPhones.

googlei-8

Finger print, Android M ganha desbloqueio por digital, igual ao recurso do iPhone

6) Menor consumo de bateria

O Google introduzirá um novo mecanismo que fará com que o telefone consuma menos bateria quando estiver com a tela bloqueada. Na comparação com a versão Lollipop, o Android M consumirá a metade da bateria. Além disso, o sistema móvel  suportará o padrão USB-C para recarga e outras funções.

goog_1

Google I/O apresenta mudanças no Android, versão M vai consumir menos bateria

Android Wear, sempre ligado

Entre as novidades do Android Wear é o Always On, que manterá a tela do dispositivo sempre ligada, sem impactar muito na bateria (promete o Google). A novidade funcionará tanto com a máscara de relógio como com aplicativos, evitando que você tenha que tocar sempre que quiser ativar a tela.

captura_de_tela_2015-05-28_as_13.46.47

Android Wear será renovado, vai funcionar melhor e promete bater o Apple Watch

O sistema para relógios também ganhará gestos para navegação. Ao balançar o seu pulso será possível trocar entre notificações e navegar no aplicativo sem ter que tocar na tela do aparelho. O Google anunciou ainda uma melhoria no reconhecimento de emojis desenhados no Android Wear. Os relógios já podem contar com mais de quatro mil apps disponíveis na Google Play Store.

Brillo e Weave: Internet das Coisas

O Google também decidiu entrar de vez no mercado de Internet das Coisas (IoT), que reúne dispositivos de automação residencial, interação digital com uma nova plataforma: o Brillo.

captura_de_tela_2015-05-28_as_14.24.59

Brillo, o sistema do Google para Internet das Coisa

 

Derivada e integrada ao Android, vai funcionar especialmente para esses pequenos dispositivos. Suportará diversos padrões de conexões, como Bluetooth e Wi-Fi, e será capaz de interagir com dispositivos próximos através do Weave, um sistema de comunicação multi-plataforma na nuvem.

O Android, que permanecerá como o centro de controle de todos os gadgets. Ou seja, o usuário poderá gerenciar o seu termômetro residencial, carro, alarme ou outros tipos de produtos com o telefone.

Google Now, em um toque

O Now ganha uma nova função batizada Now on Tap, especial para o Android M, que fará com o que o sistema fique mais inteligente e dê respostas baseadas no que o usuário faz naquele momento.

Ao escutar um músico com um nome artístico, por exemplo, o usuário poderá perguntar “Qual o verdadeiro nome dele?” e obter a resposta diretamente. Ao receber um e-mail sobre uma atração ou conversar sobre um local, o assistente do Google será capaz de apresentar um card personalizado para aquele contexto, como informações do evento ou direções para o estabelecimento do encontro.

now_on_tap_nova_ferramenta_do_google_now

Now On Tap, nova ferramenta do Google Now vai mostrar cards a todo momento

O Google integrará o Now também ao Google Chrome de forma semelhante ao que a Micorsoft fará com a Cortana no Edge. Ao tocar no nome de uma pessoa ou selecionar uma palavra, o Now aparecerá na parte inferior da tela com informações sobre o texto selecionado, incluindo fotos e pesquisas.

O novo Now estará disponível juntamente com a versão o Android M, e não chega a versões anteriores.

Google Photos: ilimitado

O novo Google Photos será capaz de sincronizar as fotos da memória interna do telefone, cartão microSD e Google Drive, e terá atenção especial a organização de fotos por tempo, com o zoom da tela.

app_google_photos_vai_permitir_armazenamento_de_imagens_ilimitado

App Google Photos vai permitir armazenamento de fotos e vídeos ilimitado na nuvem

O app será capaz ainda de criar momentos com suas fotos de acordo com tempo e localização. Além disso, poderá organizar sua coleção de acordo com as pessoas com as quais você mais tira foto, os lugares ou, novamente, o tempo. Tudo será automático e só o usuário terá acesso a eles.

O novo aplicativo do Google suportará o upload ilimitado e gratuito para fotos na nuvem em alta qualidade. Para fotos, será possível carregar até 16 megapixels, e vídeos poderão ter qualidade Full HD. O Google Photos estará disponível hoje mesmo para Android, iOS e web.

Android One

Para 2016, a expectativa é que 1,2 bilhão de novos smartphones sejam vendidos. Voltado para mercados em desenvolvimento, o Android One é a aposta do Google e de fabricantes locais, especificamente para smartphones de entrada, com rádio FM, cartão microSD e outros. A plataforma garante que os dispositivos rodem a atualização mais recente do sistema.

Google Maps e YouTube offline

O Google revelou está otimizando seus serviços para lugares onde a conexão é lenta e ruim. O buscador, por exemplo, possui uma versão especial capaz de aumentar a velocidade de carregamento em quatro vezes, reduzindo ainda o consumo de dados em 80%. Há ainda outros recursos que salvam conteúdo online para evitar que usuários gastem mais dados ao acessar uma página novamente.

youtube_offline_recurso_permitira_salvar_paginas_para_assistir_a_videos_offline

YouTube Offline: recurso permitirá salvar páginas para assistir a vídeos sem conexão

O YouTube ganhou ainda uma versão offline para alguns países, que infelizmente exclui o Brasil, para assistir vídeos sem conexão. Ao tratar do Maps, o Google destacou o país, onde uma iniciativa ajuda moradores de favelas a incluir dados das comunidades no serviço de mapeamento. Haverá melhora no suporte a mapas offline, possibilitando que o usuário se localize sem conexão com a Internet.

Google Play mais organizada

A loja de aplicativos do Google teve 50 bilhões de downloads nos últimos 12 meses e já conta com um bilhão de usuários. Para os próximos meses, será mais fácil encontrar novo apps. Ao fazer uma pesquisa, o Google exibirá subcategorias. Por exemplo, ao buscar por “Compras”, a Play Store dividirá o Apps em Lojas, Cupons de desconto e outros, deixando tudo mais organizado.

Já o Family Star ajudará os usuários a encontrar os aplicativos, livros, jogos e filmes para os seus filhos. A função destacará ainda personagens famosos, como o desenho Hora da Aventura, e reunirá todo o conteúdo disponível. O Star dificultará ainda compras acidentais em aplicativos e games.

Google Cardboard, no iOS

Anunciado o no último ano, a iniciativa de baixo custo para realidade virtual já conta com mais de 1 milhão de usuários no mundo. O Google anunciou ainda uma nova versão para aparelhos com telas maiores de até seis polegadas, como os foblets, e o suporte ao iOS (Apple).

goog_14

Google Cardboard ganha versão para iPhone e telas de smartphones maiores

O Google anunciou ainda o projeto Expeditions. Com ele, um professor poderá distribuir Cardboards para os seus alunos e controlar o que eles estão vendo e explorando através de um tablet ou telefone. Isso promete revolucionar disciplinas como Geografia e Biologia com exemplos imersivos e interativos.

Google e GoPro

O Google apresentou ainda o projeto Jump, que promete aumentar o conteúdo para realidade virtual através da gravação de vídeos em 360 graus. O recurso funciona com um anel composto por 16 câmeras e terá como parceira a GoPro, que construirá dispositivos para a plataforma.

Os vídeos do Jump estarão disponíveis durante o verão americano no YouTube. As câmeras, porém, chegarão inicialmente para alguns parceiros selecionados, não estando disponível para o público.

gopro_e_google

GoPro e Google vão agitar o mercado com conteúdo em 360 e vídeos esféricos

 

Sundar Pichai voltou ao palco encerrar o I/O com alguns dos projetos que o Google desenvolve ao redor do mundo, como carros inteligentes e balões capazes de levar Internet para áreas remotas. A longa conferência anual teve fim com uma dúvida no ar: qual será o nome da nova versão do Android? Marshmallow? Mousse? O jeito é aguardar os próximos capítulos reservados pelo Google.

Para quem quiser assistir toda a conferência e com comentários do pessoal do TecMundo, segue o vídeo.

 

Via Techtudo

Etiquetado , , , , , , , , , ,